terça-feira, novembro 29

Chama-me pelo nome...

Chamo-me Patrícia Si-oh-ene-si-i-ai-si-ei-oh. O Patrícia não é problema por aí além, embora uma pessoa tenha optado por me chamar Trisha, outra Trish, uma insista em me chamar Patrice e um que tem a mania que fala espanhol me chame Patritzia. De resto com mais ou menos sotaque Patrícia é o que me chamam. Já o sobrenome, desisti de o dizer normalmente e optei pelo Si-oh-ene-si-i-ai-si-ei-oh. Geralmente quando mo perguntam é porque o querem escrever, e na melhor das hipóteses resulta em Conceicao (o que já é suficientemente mau), mas com tanta letra, geralmente uma ou duas saiem erradas e tenho tido nomes muito estranhos desde que aqui cheguei. No dia da reunião, dei-me ao trabalho de fazer uma cedilha e um til à mão para ter o meu nome escrito correctamente na minha etiqueta. Raios, afinal de contas é o único que tenho!

Nota: OMG! Sou mesmo despassarada. Quando escrevi este post o título que usei andava a brincar na minha cabeça, não sei vindo de onde, e como achei que até ficava bem, decidi usá-lo. Hoje, enquanto fazia a ronda pelos blogs do costume, descobri porquê! É o título de outro post (que não tem nada a ver), num blog longínquo. Fica aqui a nota.

10 comentários:

fantasma disse...

Não baralhes os senhores, fáchavor. Eles sabem lá o que são cedilhas e til's???
E eu gosto de Trish! ;op

Flor disse...

Ó Tisha querida, a menina agora fez-me rir ;-)

Witchie disse...

Quando regressar já pode ir morar para a linha, que-ri-da! Tisha é do mais chiquérrimo que há!

(e eu tive de pensar para descobrir o teu nome, caramba! lol! Quanto mais os aussies que sabem lá o que é uma cedilha e um til!)

patxocas disse...

Lindo sobrenome. ;)
Sim senhora.

Anónimo disse...

hoje ganhei o dia
descobri esta pérola que é o teu blog, muitos parabéns pelo sentido de humor, jovialidade(palavra tão engraçada que nunca uso)e optimismo,tocou-me a forma como tu e os teus matam as saudades, li tudo e adorei, parabéns

Patrícia disse...

Olá anónimo/a,
Ainda bem que gostaste, obrigada e volta sempre que te apetecer.

duarte.n disse...

olá uma vez mais
fui eu quem deixou um post anteriormente
não me identifiquei porque confesso que achei o ambiente do teu blog tão familiar que me senti como um cromo que naqueles jantares de família aparece sem ser convidado, no entanto em consonância com o titulo do teu post, chama-me pelo nome... de duarte

Anónimo disse...

Eu sei o que é isso Patrícia. Comigo, o Victor percebe-se até na Libéria, agora o Guerreiro é só para armar confusão! Acho uma seca soletrar gui-yu-i-ri-ro-chi-cho...prefiro andar com um papelinho no bolso com o meu nome escrito, muito dobradinho e, na altura certa, passá-lo a quem quer saber. Mas, antes de passar o papelinho, deve-se olhar várias vezes para trás e para os lados, debruçarmo-nos sobre o balcão e, com um ar conspirativo de quem está a passar segredos de Estado, fazer avançar o papelinho debaixo da palma da mão. Resulta sempre bem.

PS: e o Cazé? Os bifes também o tratam por Cazé?

Beijinhos Pat&Caze

Viktor

Patrícia disse...

K engraçado eu tb sou Patrícia Conceição, como te compreendo o k eu passei quando vivi na Alemanha e tentavam dizer o meu nome e escrevê-lo, é de uma pessoa já nem saber kem é...!

Anónimo disse...

Good afternoon many have machines which not insuranced,
you have a unique opportunity only today to receive insurance the machine free of charge
auto insurance
auto insurance
cars insurance
cars insurance
texas car insurance
texas car insurance
car insurance quotes
car insurance quotes
car insurance policy
car insurance policy
xanax
phentermine
buy tramadol